Notícias

Sind-UTE/MG rechaça agressões da PM durante manifestação em Sarzedo contra os crimes da Vale

  • 14/03/2019


O Sind-UTE/MG se solidariza às mulheres de luta e a todos aqueles atingidos por essa ação truculenta da  PMMG, em Sarzedo/MG, durante uma manifestação que denunciava os crimes da Vale em Brumadinho.

Acompanhe mais informações sobre esse lamentável episódio:

A polícia atacou as mulheres que denunciavam, em ato, os crimes da Vale em Brumadinho e que pediam por justiça para Marielle Franco. De acordo com o MAM, a polícia agiu com truculência desde o início do protesto, apreendendo as pequenas cruzes de madeira que as manifestantes levavam para uma homenagem aos mortos. Os policiais desferiram as bombas e tiros com objetivo de liberar a passagem para o trem de minério.

Neste momento, são 11 pessoas feridas: 10 mulheres e um homem. As vítimas estão no Hospital Municipal de Sarzedo. Cinco mulheres tiveram ferimentos leves e outras cinco ferimentos mais graves. Fotos: Joyce Fonseca

Mais notícias em:

Facebook: www.fb.com/brasildefatomg

Instagram: www.instagram.com/brasildefatomg

Fotos: Arquivo/MAM

 

Fotos: Arquivo/MAM