Notícias

Veja no Programa Outras Palavras que será veiculado no próximo dia 16 de março de 2019

  • 15/03/2019


Veja no Programa Outras Palavras da edição deste sábado, dia 16 de março de 2019

Na edição do Outras Palavras de sábado, 16/03/2019, você acompanha notícias do Seminário sobre a Reforma da Previdência, que aconteceu no dia 25 de fevereiro de 2019, no auditório José Alencar, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O evento contou com a participação da coordenadora nacional da Auditoria Cidadã da Dívida, Maria Lúcia Fattorelli, do economista Frederico Melo, da deputada estadual, Beatriz Cerqueira, do deputado federal, Rogério Correia, e diversas lideranças sindicais e sociais. Educadores e educadoras, sob coordenação do Sind-UTE/MG também marcaram presença e apresentam o cenário trágico e cruel dessa Reforma

Veja também o que disse a deputada estadual Beatriz Cerqueira, na Comissão de Segurança Pública, no dia 12 de março, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, sobre o crime da Vale, em Brumadinho.


Educadores/as se reúnem em Conselho Geral e definem os eixos da luta de 2019

Esse foi o maior Conselho Geral Eleitoral já realizado pelo sindicato. Mais de 800 educadores e educadoras de todas as regiões do Estado participaram.

A categoria definiu o seguinte eixo central da luta: Contra a Reforma da Previdência, em defesa da Escola pública, autônoma e democrática, pelo cumprimento do Piso Salarial, abertura de negociação pelo governo do Estado.


Aprovação de propostas e do calendário de mobilização

Os trabalhadores e as trabalhadoras em educação aprovaram os itens que compõem a Campanha Salarial Educacional 2019 definindo como eixos centrais a manutenção da gestão democrática na escola e a luta pelo Piso Salarial. Deliberada ainda que os trabalhadores e trabalhadoras em educação vão participar da luta nacional contra a Reforma da Previdência e neste sentido vão realizar dia 22 de março – Assembleia Estadual com paralisação total de atividades. Ao final da assembleia, foi eleita a comissão eleitoral que vai conduzir o processo eleitoral 2019 do Sindicato. Até o dia 29 de março, será dado prazo para inscrição de chapas que concorrerão às eleições, no período de 22 a 26 de abril. A posse da próxima direção estadual, conselho geral e direção de subsedes será no dia 16 de maio.


Ministério Público recomenda à CSN que retire 2.500 pessoas de área de risco

E a ameaça de rompimento de novas barragens em Minas Gerais levou o Ministério Público, da Comarca de Congonhas, a expedir no último dia 12 de março uma recomendação para que a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) providencie moradias provisórias para habitantes de cerca de 600 residencias do município, que estão ameaçadas pela barragem Casa de Pedra. Mais de 2,5 mil pessoas que moram nessas casas devem ser retirada porque há uma situação de risco de rompimento da barragem da CSN. Enquanto isso, continua o drama dos atingidos pelo crime da Vale, em Brumadinho, onde há mais de um mês a Mina do Córrego do Feijão rompeu e centenas de pessoas foram enterradas vivas pela lama de rejeitos. Muitas famílias não tiveram ainda o direito de velar seus mortos e outras milhares de pessoas estão com dificuldades de sobrevivência com a contaminação do Rio Paraopeba.


Beatriz Cerqueira diz que CPI das Barragens terá papel fundamental

Durante audiência pública na Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa/MG, no último dia 12 de março, a deputada Beatriz Cerqueira disse que a CPI das Mineradoras terá papel fundamental e que “Talvez seja isso que possa interromper esse o modo de operação dessas mineradoras em nosso Estado. A deputada também falou da angústia das famílias que querem velar seus mortos e a pergunta que se faz neste momento é “até quando esperar?


A Reforma da Previdência é um calote, diz Maria Lúcia Fatorelli

No Seminário sobre a Reforma da Previdência, que aconteceu no dia 25 de fevereiro de 2019, no auditório José Alencar, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, (ALMG), a coordenadora nacional da Auditoria Cidadã da Dívida, Maria Lúcia Fattorelli, pontuou as perdas de direitos dos trabalhadores e trabalhadoras e denominou essa Reforma como um calote.


O perigos da Reforma da Previdência

No Seminário sobre a Reforma da Previdência, que aconteceu no dia 25 de fevereiro de 2019, no auditório José Alencar, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, (ALMG), o economista Frederico Melo, alertou para os perigos da Reforma e disse que ela traz uma insegurança tremenda às pessoas.


Quem ganha com a Reforma da Previdência são os donos de bancos

Educadores e educadoras, sob coordenação do Sind-UTE/MG, marcaram presença no Seminário sobre a Reforma da Previdência, que aconteceu no dia 25 de fevereiro de 2019, no auditório José Alencar, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Eles chamaram a atenção para as perdas de direitos e reforçam que os grandes beneficiados por essa proposta serão os bancos e donos do capital.


O programa “Outras Palavras” é uma produção do Sind-UTE/MG e é veiculado aos sábados, das 10h às 10h:30, nas TV’s: Band Minas (em todo o Estado), Candidés (Divinópolis e Região) e na Band Triângulo. Você pode acompanhar também essa produção pelo Canal do Sind-UTE/MG no Youtube.