Notícias

Moção de Repúdio à invasão de hackers nazistas na 1ª Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Divinópolis

  • 17/02/2022


O Conselho Geral do Sindicato Único dos trabalhadores e das trabalhadoras em Educação de Minas Gerais – Sind-UTE/MG, realizado na terça-feira 15 de fevereiro de 2002, virtualmente, e o coletivo da Igualdade Racial Carolina Maria de Jesus, da mesma entidade, vêm, por intermédio desta moção, repudiar a invasão de hackers nazistas na 1ª Conferência Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Divinópolis que ocorreu na última quinta- feira, 10 de fevereiro de 2022, em ambiente virtual, com o objetivo de debater sobre ‘Enfrentamento ao racismo e às outras formas correlatas de discriminação étnico-racial e de intolerância religiosa: política de Estado e responsabilidade de todos nós’.

A atividade realizada pelo Conselho Municipal da Promoção da Igualdade Racial (Compir) e a Prefeitura Municipal de Divinópolis foi invadida por criminosos, que publicaram imagem da suástica e falaram inúmeras vezes “Heil Hitler” dentre outras saudações nazistas.

O crime de racismo, bem como de apologia ao nazismo, tem sido agravado pela impunidade, tem ampliado a Intolerância e a repercussão de notícias de desrespeito à liberdade de expressão, da cultura e luta do nosso povo negro e sua ancestralidade. O que é INADMISSÍVEL!

O Sind-UTE/MG, por intermédio do seu Conselho Geral e o Coletivo da Igualdade Racial Carolina Maria de Jesus, repudia veementemente todo e qualquer ato nazista, racista em fascista que venha tentar intimidar, coibir ou desestruturar a nossa organização em busca de uma sociedade ANTIRRACISTA.

Toda nossa solidariedade ao COMPIR por toda sua trajetória de luta e resistência.

RACISTAS, NAZISTAS, NÃO PASSARÃO!